Como evitar acidentes com as janelas


De acordo com o Ministério da Saúde, nosso país registra mais de 30 mortes de crianças, anualmente, por quedas de janelas em edifícios.

Orientações básicas podem fazer toda a diferença em sua vida e de sua família.

Caso você utilize aquele modelo de janela tipo guilhotina, pode optar por abrir a parte superior da mesma, pois assim irá proporcionar a entrada de ar e será mais seguro para as crianças. Mas tome cuidado, pois na hora de baixar a parte superior ela pode escorregar.

Se há idosos ou crianças em sua casa é de extrema importância a instalação de redes de proteção nas janelas.

Independentemente de ser casa ou apartamento, uma queda por mais simples que possa ser, pode causar danos irreversíveis, principalmente em idosos e crianças. 

Como evitar acidentes com as janelas
Imagem: Pixabay

Estrangulamento

Um estrangulamento pode ocorrer de forma rápida e silenciosa.

Cuidado com os barbantes das persianas, sendo assim, procure não utilizá-los.

Não improvise uma maneira de deixar os cabos inacessíveis, pois o mesmo pode escorregar e ficar disponível, o que pode ocasionar facilmente um estrangulamento na criança.

Caso não tenha outra opção, procure instalar algo específico para essa finalidade.

Telas ou Redes

Atenção quanto a diferença entre telas e redes.

As telas servem apenas para evitar que insetos não entrem para o interior da residência.

Elas não foram projetadas para suportar grandes pesos, sendo assim, não evitaram a queda de uma criança.

Redes de proteção

Use proteções adequadas para suas janelas e de preferência contrate um profissional para indicar e instalar a rede ideal para a sua residência.

Mesmo com a rede, ensine o seu filho quanto ao risco que uma janela oferece, pois independentemente de sua altura, uma queda pode ser fatal para uma criança.

A rede de proteção tem como objetivo proteger, não apenas crianças, mas também adultos, idosos e animais, contra possíveis quedas em altura.

Verificação das redes

Verifique as redes de proteção com frequência, pois tendo em vista a sua exposição ao clima, mesmo possuindo boa qualidade, elas precisam ser inspecionadas constantemente para não colocar em risco a segurança de todos.

Sendo assim, estipule uma regularidade para verificação.

Fique atento e caso note alguma coisa incomum solicite avaliação de um profissional.

Verifique a fixação e o aspecto visual da rede.

Caso note qualquer rompimento, não efetue remendos, pois toda a rede deverá ser substituída.

Controle a sua vida útil e contrate um profissional para manutenções periódicas.

Evite a utilização de produtos químicos para limpeza, pois podem modificar a estrutura do material.

Bebês na janela

Evite colocar a cama ou o berço próximo à janela, pois pode facilitar o acesso de crianças à mesma.

Móveis

Mantenha móveis e objetos que possam facilitar o acesso da criança, afastados da janela.

Limpeza

Atenção na limpeza, principalmente quando se tratar de janelas elevadas.

Utilize equipamentos adequados para essa atividade, evitando limpá-la sozinha(o).

Vidros

A qualidade de um produto é muito importante e com o vidro não é diferente.

Existem vários tipos de vidros, contudo, os mais indicados para segurança são: o laminado, o temperado e o aramado.

Vidro laminado

O vidro laminado possui duas camadas de vidro com uma película de plástico protetora entre eles que evita a sua fragmentação.

Caso quebre, os pedaços ficaram grudados nessa película.

Esse tipo de produto é muito utilizado pela indústria automotiva.

Vidro temperado

O vidro temperado é mais rígido e resistente do que o comum.

Caso quebre, os pedaços serão espalhados em pequenos fragmentos arredondados, reduzindo, dessa forma, a chance de danos materiais ou corporais.

Vidro Aramado

O vidro aramado possui uma malha quadriculada incorporada à sua massa, cuja finalidade é aumentar a resistência e oferecer maior segurança para seus usuários.

Caso quebre, o vidro ficará preso à rede metálica, dessa forma, reduzindo o risco de cortes e ferimentos no momento da quebra.

Vidro comum

Um vidro comum possui baixa resistência em relação aos demais.

Caso quebre, espalha grandes pedaços com arestas cortantes e pontiagudas.

Lembre-se:

As crianças não conhecem o perigo, são curiosas e criativas e, sendo assim, cabe a cada um de nós zelar pela sua integridade.

Siga esses passos simples e evite uma fatalidade com quem você ama.

Se gostou das dicas ou acredita que elas possam ser úteis a outras pessoas, compartilhe esse post.

Também pode assinar o boletim para receber atualizações.

Obrigado.


Referências
NBR 16046/12


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X

Como Superar a Depressão e a Ansiedade.

¤