Lesões nas costas

As lesões nas costas, além do desconforto, podem ocasionar um processo doloroso e demorado para a recuperação. Além disso, as lesões podem afetar outras partes do corpo como os nervos e a medula espinal.

Nossas costas são muito sensíveis e qualquer movimento brusco poderá causar dores insuportáveis, portanto precisamos estar atento com algumas atitudes que podem ser de extrema importância para nossa saúde.

Leia também
Lesão por Esforço Repetitivo

Como evitar as lesões nas costas

Seguem algumas dicas que podem ser adotadas em suas atividades:

Cansaço muscular

O cansaço muscular é causado por excesso de peso e movimentos repetitivos, por isso é importante a utilização de equipamentos adequados para cada tipo de atividade.

Transporte manual de cargas 

O transporte manual de cargas é muito antigo, tendo em vista que antigamente as pessoas não possuíam equipamentos específicos para tal tarefa, sendo responsável por inúmeros acidentes e lesões.

Siga os procedimentos descritos abaixo para realizar o levantamento correto de uma carga – (uma caixa por exemplo).

– Com as pernas levemente afastadas entre si para a lateral.
– Posicione o item a ser levantado entre as mesmas.
– Coloque os joelhos à frente em um ângulo de aproximadamente 90 graus.
– Os braços devem permanecer esticados entre as pernas.
– Manter as costas retas.
– Olhar horizontalmente e não para o objeto a ser levantado.
– Tronco em mínima flexão.
– Erguer o item (caixa, etc).

Postura incorreta

A postura é uma posição adotada pelo corpo.

Uma postura natural é aquela em que as articulações ocupam posição neutra, sem movimentos de extensão, flexão ou inclinação.

A postura incorreta pode ocasionar desconforto e dores nas costas, dependendo de como e aonde você trabalha deve ficar atento com sua conduta.

Trabalho sentado

A postura sentada por um prolongado período de tempo pode ocasionar o sedentarismo, além de exigir um esforço muscular do dorso e da barriga, portanto uma cadeira ajustável deve ser utilizada para adequação da postura, cabendo ao usuário realizar o seu ajuste.

O trabalho sentado é indicado para tarefas precisas como engenharia por exemplo, trabalho manual pesado, funções leves, com duração de longos períodos, porém é recomendável que se sigam algumas regras:

– Sentar com as costas apoiadas na cadeira;
– Manter os pés apoiados e o ângulo dos joelhos maior que 90 graus;
– A abertura entre as coxas deve variar entre 90 e 120 graus; e
– De vez em quando é conveniente levantar e fazer pelo menos um breve alongamento.

Leia também 
Benefícios da ergonomia 

Trabalho em pé

A posição em pé e parado causa muita fadiga, pois exige que o corpo permaneça estático para manter a posição, além disso, há risco de varizes, em movimento apresenta menos fadiga, mas vale lembrar que não se pode manter uma postura em pé por muito tempo, pois pode ocasionar dores nas articulações, pés, joelhos e as costas.

Para ambas as posições exercícios de alongamento são muito importantes.

Exercícios de alongamentos

Antes de iniciar suas atividades faça exercícios de alongamentos, grande parte das empresas já aderiram a prática da ginástica laboral, que está ligada diretamente à ergonomia – A ergonomia busca adaptar o ambiente de trabalho ao trabalhador.


Referências
Professora: Ada Ávila Assunção – Dpto de Medicina Preventiva e Social da Faculdade de medicina da UFMG.
Norma Regulamentadora – NR nº 17 – Ergonomia.

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever-se  
Aviso de
X

Quer ficar perito em direção defensiva? Clique aqui e saiba como.

¤