13 passos para trocar o pneu do carro com segurança

Parece um assunto irrelevante mas a verdade é que muitas pessoas não sabem ou nunca fizeram a troca de um pneu do carro e por isso acabam passando sufoco quando precisam fazer essa tarefa.

E você sabe fazer a troca do pneu do carro com segurança?

Bom, se depender apenas do curso de formação de condutores acredito que não, mas apenas a título de conhecimento saiba que a Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei nº 7.787/17, que altera o Código de Trânsito Brasileiro, o qual inclui procedimentos para emergências, inclusive a troca de pneus.

Você pode acompanhar a proposta completa por meio deste link: Projeto de lei nº 7.787;

Provavelmente seu carro já furou o pneu alguma vez e se não passou por uma situação assim, um dia pode acontecer, afinal de contas quem tem carro está sujeito a diversos eventos que podem ocorrer a qualquer momento, porém se isso ocorrer devemos saber como proceder da forma mais indicada. 

13 passos para fazer a troca do pneu do carro com segurança

Antes de iniciar o procedimento de troca do pneu é fundamental que você adote algumas medidas de segurança básicas:

1 – Primeiramente, lembrando que quando notamos alguma coisa de anormal em nosso carro, devemos com cuidado reduzir a velocidade do mesmo, ligar a sinalização de segurança e procurar um local mais adequado e seguro para parar o carro;

2 – Efetuada a parada do carro com segurança, além de estar com o pisca alerta ligado, devemos sinalizar que estamos parados por meio do triângulo de segurança, que segundo o Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN), deve ser colocado na parte de traz do carro a uma distância mínima de 30 (trinta) metros.

Caminhando normalmente, dois passos equivalem a um metro, aproximadamente.

O objetivo é ser visto pelos outros motoristas, e feito isso vamos iniciar os procedimentos de troca do pneu, lembrando que o carro deve estar estacionado em local plano. Então siga os passos:

Caso não seja uma via com movimento intenso ou você está com horário marcado, se possível telefone à alguém e comunique seu atraso, assim você poderá efetuar os procedimentos com mais tranquilidade e segurança.

3 – Não esqueça de acionar o freio de mão e deixar o carro engatado, pode ser em primeira marcha. Se você quiser garantir ainda mais a sua segurança, pode colocar um calço, ou até mesmo uma pedra, em um dos outros pneus que não estiver furado;

4 – Procure manter em seu carro uma luva de proteção, pois não ocupa muito espaço e será muito útil em uma situação como essa;

5 – Retire do carro todos os itens que serão necessários: o pneu, o macaco e a chave e deixe-os em local próximo de você;

6Apenas afrouxe os parafusos com a chave adequada que pode ser em formato “L” ou “Cruz”;

7 – Coloque o macaco e levante o carro até uma altura suficiente para a retirada do pneu furado;

8 – Retire os parafusos completamente;

9 – Efetue e remoção do pneu;

10 – Recoloque o pneu sobressalente e depois os parafusos até que fiquem fixados de maneira firme;

11 – Solte o macaco lentamente até que o pneu esteja totalmente encostado no chão;

12 – Efetue o aperto completo em todos os parafusos com auxílio da chave;

13 – Recolha e guarde seus equipamentos;

Sempre que realizar a calibragem dos pneus de seu carro, não esqueça de calibrar o pneu sobressalente. E toda vez que efetuar a troca de um pneu furado, não esqueça de consertá-lo assim que possível, para não correr o risco de esquecer.

Não exceda a velocidade, pois o pneu sobressalente não estará nas mesmas condições dos demais, tendo em vista o tempo que fica aguardando para uso.

Espero que as dicas possam ser úteis em sua viagem ou quando necessário.


Referências
Quatro Rodas;
Michelin;
Código de Trânsito Brasileiro;
Portal da Câmara;

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever-se  
Aviso de
X

Quer ficar perito em direção defensiva? Clique aqui e saiba como.

¤