Como planejar e fazer uma viagem segura

Direção Defensiva, Segurança no Trânsito 0 Comments

Não importa a época do ano, se você for viajar é importante seguir alguns passos necessários para ter uma viagem segura e tranquila. 

Organizar uma viagem pode ser cansativo, porém é capaz de evitar problemas maiores que venham a ocorrer durante o trajeto. Quando se fala em planejamento, independentemente de como a viagem será feita (carro ou outro meio de transporte), é preciso levar em consideração a distância da viagem, paradas a realizar, gastos necessários, etc. Com isso, aqui estão alguns pontos que você deve ter em mente quando realizar o planejamento.

Que tipo de viagem você pretende fazer?

Visitar amigos e parentes, lua de mel, conhecer lugares novos, a trabalho ou tudo isso junto (são apenas exemplos). Se você conhece o destino fica mais fácil, pois assim você já sabe ou tem uma noção do trajeto.

Revisão mecânica (Manutenção Preventiva)

Faça a revisão do seu carro. A revisão é um dos pontos mais importantes para uma viagem segura, pois se trata da segurança de todos os passageiros e pode evitar um prejuízo muito grande caso ocorra algum imprevisto no caminho. Se a sua viagem não for longa e você já tiver feito alguma revisão recentemente, há alguns pontos que você pode controlar. Veja abaixo um mini check-list que você mesmo pode fazer antes de pequenas viagens:

1. Nível de óleo do motor;

2. Calibragem dos pneus;

3. Freios (caso escute algum ruído estranho é sinal de alerta);

4. Faróis e lanternas;

5. Combustível;

6. Buzina;

7. Para-brisa;

8. Extintor;

9. Chave de roda;

10. Triângulo e macaco.

Como fazer uma viagem seguraFaça o planejamento de sua rota antes de pegar a estrada

Planejar sua rota com certeza não será tempo perdido, você terá uma visão geral do trajeto, inclusive estimativa de tempo e paradas, além da economia de combustível e menos poluição do ar.

Cuidado para não errar o caminho

Para garantir a eficiência do trajeto, mantenha mais de um aplicativo de navegação diferentes, pode ser o GPS propriamente dito e o celular.

Além do GPS, eu particularmente utilizo o Google Maps, por meio dele, antes da viagem, consigo visualizar vários pontos importantes, principalmente quando há muitas rótulas e trevos de acesso rápido em caminhos que nunca passei.

Crie um trajeto “B”

Imprevistos acontecem, por mais que você planeje fatos adversos podem ocorrer, temos como exemplos obras, congestionamentos e até acidentes de trânsito (infelizmente).

Calcule os gastos

Faça um levantamento aproximado de quanto você irá gastar, levando em consideração os custos fixos e os variáveis. Como exemplo pode-se incluir gastos com combustível, pedágios, alimentação, hospedagem e alguma reserva para imprevistos.

Tente economizar

Em tempos de crise qualquer economia é bem-vinda, portanto você pode procurar promoções antecipadamente como exemplo, combustível.

Respeite a sinalização

Para ter uma viagem segura seja prudente, respeite os limites de velocidade, sinalizações e dirija na defensiva.

Organize sua carga

Feito o planejamento principal é hora de organizar as bagagens, organize-as por prioridades, distribua uniformemente, pois além do carro trafegar com mais segurança em razão da estabilidade, economizará em pneus e combustível.

Tente não esquecer aonde colocou determinado item na mala, imagine com aquele calor todo não lembrar em qual mala colocou o chinelo, puxa vida hein!

Crianças

As crianças precisam de atenção especial, portanto não esqueça de deixar seus materiais em locais de fácil acesso, as mesmas são imprevisíveis. Leve brinquedos, livros, lápis para pintura, etc.

Importante lembrar

Dificilmente todos os viajantes terão os mesmos gostos e vontades, por isso é importante organizar a viagem de modo que todos fiquem satisfeitos, um exemplo prático é na hora de escolher as músicas, a quem goste, porem outros ficarão incomodados. Sendo assim você pode diversificar e evitar que se torne uma viagem estressante e cansativa dentro do carro, principalmente se for longa.

Na hora da volta

Na viagem de retorno você pode começar aplicando o mini check-list, pois não haverá necessidade de fazer uma nova revisão, a menos que você note alguma coisa de anormal no carro.

Semelhante aos procedimentos que você fez antes da viagem, deve fazê-los novamente antes do retorno, na dúvida anote pois o importante é não esquecer de nada.

Espero que as dicas possam ser úteis, comente, colabore com sugestões ou conte um pouco de suas aventuras na estrada. 

Imagem
Pixabay

Published by

Nei dos Santos

Nei dos Santos é criador e editor do "Olho no Risco".

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of